Com a admissibilidade do processo de impeachment da presidente pelo Senado Federal, que apesar de afastada temporariamente não retornará ao poder, uma onda de esperança tomou conta do Brasil.

Esse impedimento afastou do poder o partido mais corrupto da história e que lançou o país na maior crise econômica, política e moral (esta última a mais grave de todas), conforme comprova a saneadora Operação Lava Jato, afastando o país, ao menos por enquanto, de uma iminente conversão ao nefasto regime comunista.

Esperamos sinceramente que o novo governo recoloque o país no caminho do progresso e da moralidade, pois nós é que pagaremos essa astronômica conta, sempre.

No entanto, a nomeação de vários ministros citados na referida operação Lava Jato nos faz ficar com um pé atrás.

Dentre os ministros nomeados, um que iniciou a carreira política num partido comunista, ocupa desde ontem o Ministério da Defesa. Parece que isso se tornou tradição.

Com relação ao direito a legítima defesa e a propriedade legal de armas de fogo, nosso direito continuará a ser vilipendiado, principalmente o que se refere aos CACs, que são os colecionadores, atiradores desportistas e caçadores registrados no Exercito.

Pois para desalento do cidadão de bem foi nomeado para o Ministério da Defesa o radical anti-armas Raul Jungmann.

Os vídeos a seguir não deixam dúvidas do que enfrentaremos, um liberticida.

Neste vídeo em especial, o então deputado trata os funcionários públicos que teriam direito ao porte como incompetentes e incapazes no manuseio de armas de fogo.

https://www.youtube.com/watch?v=rzSvVvmN0Ic

Quer então desarmar os Oficiais, Sub-Oficiais, Subtenentes e Sargentos das Forças Armadas? Eles têm armas das Forças ou pessoais, na maioria pistolas em calibre 9 x 19 mm. Muitos são CACs (Colecionadores, Atiradores, Caçadores). Têm outras armas. Então há risco para suas famílias? Quer o Raul desarmá-los? Seriam os militares também incompetentes e incapazes no uso de armas?

Existem Vilas Militares, residências para as famílias, dentro de bases e quartéis. Lá os familiares circulam num ambiente com muitas armas. Vai o Raul despejar as famílias? Desarmar sentinelas?

Incompatível com o militar ambiente, onde na verdade as famílias gozam de grande segurança pela presença de mulheres e homens legalmente armados.

O vídeo que segue refere-se à votação de uma Medida Provisória que entre outras coisas previa porte de arma para categorias funcionais.  A PLD do tema tratou:

 
APELO URGENTE AOS SENADORES!

http://pelalegitimadefesa.org.br/nblog/?p=1608 

Infelizmente a resultante lei as armas eliminou:

http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2015-2018/2016/Lei/L13265.htm
 
http://www.planalto.gov.br/CCIVIL_03/_Ato2015-2018/2015/Mpv/mpv693.htm

Outros vídeos com o posicionamento anti-cidadão do ministro (dentre outros liberticidas como ele) criticando a aprovação de relatório do PL 3722/2012 que modifica o nefastoestatuto do desarmamento, como se esse relatório restaurasse plenamente o direito de possuir e portar armas.

https://youtu.be/O5lC8Nr5lGc

https://www.youtube.com/watch?v=_38BArjJ2FM
https://www.youtube.com/watch?v=PDVuHZImWmk
https://www.youtube.com/watch?v=h1d9SFFMYdQ
https://www.youtube.com/watch?v=A_psEQN6-Lk
https://www.youtube.com/watch?v=V9HAkRalrM0

Enfatizamos que o relatório aprovado é ruim para o cidadão, havendo vários artigos a serem retirados ou modificados, os quais abordaremos em breve, quando o PL 3722/2012 retorne a tramitação, artigos esses que desrespeitam o resultado do referendo de 2005 que esse tiranos insistem em ignorar.

Para o Ministério da Justiça, que controla a aquisição de armas de fogo pelos demais cidadãos que não são CACs, foi nomeado Alexandre Moraes, ex-Secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo, na cota do PSDB, partido que dispensa apresentações nesse quesito.

Diz ele que não é contra as pessoas possuírem armas, mas adota o discurso desarmamentista para dificultar a aquisição e dizer que pessoas irão matar-se em brigas de trânsito se armas possuírem e que o estatuto ajudou a diminuir a criminalidade.

https://pt-br.facebook.com/alexandredemoraes.adv/videos/954432234625962/

Deixo a conclusão a critério de cada um.

Com essas nomeações, em especial a do Ministro da Defesa, a democracia e a liberdade continuam a ser apenas uma esperança.

Lutemos para conquista-las.

Saudações.

José Luiz de Sanctis

#PLDportejá

Trackback

no comment untill now

Add your comment now


2 − = um