O jornal O Estado de São Paulo deu uma notícia muito auspiciosa para os americanos e deixa evidente que mesmo eles que têm a proteção da segunda emenda, têm que lutar continuamente para garantir os seus direitos de ter e portar armas de defesa.

Em Chicago,  moradores da cidade e a NRA a National Rifle Association ganharam um recurso judicial, em última instância, derrubando uma lei que restringe a posse de armas e que vigora há 28 anos.

A NRA vai trabalhar para garantir que esta vitória constitucional não seja transformada em uma derrota prática por juízes ativistas, desafiada por conselhos municipais ou políticos cínicos que querem corromper, reverter ou anular a decisão da Suprema Corte“, afirmou o vice-presidente-executivo da organização, Wayne LaPierre.

Clique aqui e Leia a íntegra da notícia.

, , ,
Trackback

4 comments untill now

  1. God bless America!God Bless the Supreme Court!

  2. Que diferença a supre corte deles a a nossa.
    Lá nos tribunais se discutem direitos e apenas eles aqui entra tudo, politicas públicas, vontade do ditador pinguço de plantão disfarçado de democrata que só ignorantes não veem, militantes e ativistas travestidos de juízes.

    No judiciário é lugar para se discutir direito e apenas isto não mais que isto nem menos, na medida justa disto.
    Pena que os ditos doutos daqui não se dão aos limites da lisura para atuarem, não se rendem a honestidade e nem se entregam a legalidade e legitimidade.

  3. Cilas Celestino @ 2010-07-04 10:21

    O STF no Brasil atende os interêsses do poder executivo, não o da democracia, não o do povo; isto porquê os ministros-juízes são nomeados pelo presidente da república e podem, via de regra, serem demitidos pelo presidente da república. Então, jamais, se posicionarão contra o papai do Estatuto do Desarmamento; Esta é a razão porque nenhuma das ADINs ajuizadas no STF contra o Estatuto do desarmamento tiveram o resultado esperado.

  4. god bless USA !

Add your comment now


8 + = onze