[img:seringueiro_1_2.jpg,thumb,alinhar_esq_caixa]Chefe do Estado Maior da 12ª Região Militar, coronel Rogério Bubniak, torna sem efeito a portaria que, há 40 dias, mudou os procedimentos de fiscalização por parte do Exército, e tirou dos caçadores o direito de adquirir, individualmente, o estojo vazio, a pólvora, o chumbo e a espoleta

    Medida é resultado da ação da deputada Perpétua Almeida com os órgãos militares em Brasília.

    Seringueiro pode comprar munição

    ASSEM NETO
    Especial para Agência Amazônia

    BRASÍLIA — Foi providencial o apelo feito pela deputada Perpétua Almeida ao Ministério da Defesa e ao alto escalão do Exército, para que os caçadores pudessem ter de volta o direito de comprar os insumos de munição separadamente.

    A nova autorização especial que beneficia centenas de milhares de famílias rurais no Acre e na Amazônia Legal partiu do chefe do Estado Maior da 12ª Região Militar, coronel Rogério Bubniak, através de mensagem oficial enviada ao gabinete da deputada, na noite da última terça-feira.

    Ele torna sem efeito a portaria que, há 40 dias, mudou os procedimentos de fiscalização por parte do Exército, e tirou dos caçadores o direito de adquirir, individualmente, o estojo vazio, a pólvora, o chumbo e a espoleta.

    Com a proibição, os agricultores eram obrigados a comprar exclusivamente os cartuchos carregados, gerando prejuízos muito grandes à tradição de caça nas comunidades rurais e submetendo os caçadores ao desembolso de até 500% a mais para abater uma única caça. Além disso, a portaria inquietou e revoltou o movimento sindical rural do Acre, onde prevalece uma cultura forte para o uso de espingardas com finalidade de subsistência e, ainda, para a defesa pessoal contra animais perigosos.

    Perpértua ouviu os caçadores e produziu argumentos que sensibilizaram os oficiais do Exército Brasileiro. São os seguintes: “o caçador tem por hábito planejar a carga de sua espingarda. Para abater uma caça pequena, ele usa pouca munição. Uma dose maior de munição serve para abater um animal de grande porte. Mas ele não pode fazer esta margem quando se vê obrigado a usar um cartucho carregado”.

    A deputada lembra, por exemplo, que para abater uma caça são necessários de cinco a seis tiros, em média. “Não é justo que um caçador, sem renda fixa e vivendo do que produz, tenha que gastar R$ 30,00 em munição para garantir uma caça”.

    “Este direito já existia e foi retirado de maneira que nos deixou perplexos. Parabéns à deputada e a todos as famílias de caçadores”, disse Maria Sebastiana Oliveira de Miranda. Ela é filha de seringueiros e atual presidente da Federação dos Trabalhadores Rurais no Acre (Fetacre).

    A mensagem do Estado Maior que derruba a portaria já foi encaminhada para as providências cabíveis ao Batalhão de Infantaria e Selva (BIS) em Rio Branco e no interior do Acre.

    Perpétua Almeida é autora da Emenda do Seringueiro, que garantiu no Estatuto do Desarmamento o direito de usar a espingarda. A parlamentar foi uma das principais articuladoras em Brasília para a aprovação do Estatuto do Desarmamento. Partiu também a sugestão ao ministro da Justiça, Tarso Genro, para a prorrogação do registro das armas dos caçadores brasileiros na Polícia Federal
    .

http://www.agenciaamazonia.com.br/index.php?option=com_content&task=view&id=1718&Itemid=112

Trackback

7 comments untill now

  1. Claudoir Riepe @ 2007-11-14 15:03

    Parabéns

    ao coronel Rogério Bubniak e à deputada Perpétua Almeida por alterar as regras do estatuto do desarmamento a fim de não prejudicar os seringueiros e caçadores que dependem da caça para alimentar suas famílias. Isso prova que com visão e bom senso é possível aperfeiçoar o estatuto para que pessoas de bem que dependem de armas para sua defesa e subsistência possam delas fazer uso.

    Estamos progredindo.

  2. A deputada Perpétua (PT) votou a favor do desarmamento… ela sai em defesa aqui não do direito dos caçadores em si… mas de “trabalhadores do campo” que possuem armas e precisam de insumos…

  3. Marco Antonio @ 2008-03-04 12:06

    Só podia ser do PT,enquanto bandidos como José rainha ,anda armado até os dentes,provocando a violencia no campo,invadindo e amedrontando pessoas de bem,são deputadas como essa que sem idéias e que são manipulados pela verdadeiras corjas que estão nos covis do planalto e sindicatos,acabam por tirar direitos dos verdadeiros homens e mulheres do bem.

  4. rodolpho villas boas neto @ 2008-04-18 00:39

    SO ESSES SEM TERRA QUE PODEM SE ARMAR E QUE PARA NÒS TÂO ODIADOS POR ESTE “FAMIJERADO GOVERNO PETISTA” NÂO VENHAMOS A NOS DEFENDER (APENAS ESPERAR COM CARINHO QUE O PROBEZINHO COITADINHO DOS SEM TERRA ASSALTANTES E AFINS NOS MATEM E FIQUEM FELIZES) È QUE CERTO DEPUTADOS FAZEM ESTAS LEIS ABSURDAS CONTRA CIDADAES HONESTOS MAIS COMO CRISTÂO QUE SOU TENHO ABSOLUTA CERTEZA DE QUE UM DIA TODOS ESSES DEPUTADOS QUE DE UMA FORMA FORAM RESPONSAVEIS POR MORTES DE INOCENTES QUE PODERIAM ESTAR VIVOS SE TIVESSEM UMA ARMA PARA SE AUTO DEFENDEREM E MORRERAM PORQUE ALEM DE SÓ O MARGINAL,BANDIDO ESTAR ARMADO É TRATADO POR ESSAS ONÇ,S DIABÓLICAS E POR ESSES BURUCRATAS COMO SE FOSSEM ÇRIANÇAS UM DIA ESSA CAMBADA TERA DE RESPONDER A DEUS POR SUAS MALDADES E INJUSTIÇAS

  5. marcos jesse rodrigues @ 2008-07-07 15:35

    parabeniso a vossa senhoria deputada perpetua almeida e os orgaos militares por trazer de volta o direito do nosso homem do campo eles pressizan de estimulo e nao de tirar o que e seu por direito des dos tempos antes de CRISTO ja ezistia cassadores como ESAU por ezemplo hoje ezistem critico que simplesmente falam mal debochao do homem do campo tira os seus direitos e ate mesmo um complemento do seu alimento ou seja uma caça privando de possuir uma arma dizendo que tem que passar por pissicologo curços de tiros gente isso tem que mudar raçioçine comigo pissicologo curço de tiro para um lavrador porque se tiver condiçao vai tirar uma espingarda para caçar desde quando pressiza de pissicologia para caçar:

  6. rodolpho villas boas neto @ 2008-07-08 23:55

    (SR) Marcos não se iluda essa deputada não esta lutando ao teu favor nem ao favor dos boms ela votou a favor do maldito desarmamento não se deixe enganar “PETISTAS”NUUUNCAA LUTARÃO PELOS NOSSOS INTERESES NUNCA É QUE OS SEM TERRA NÃO PODEM FICAR DESPROTEGIDOS NA HORA DE INVADIR UMA PROPRIEDADE ALHEIA SÓ VAI VOLTAR A BRILHAR O SOL DA LIBERDADE NO NOSSO PAIS QUANDO ESTE (DES)GOVERNO PT,PSB,PSOL,PMDB,PCDO,B DEIXAREM O GOVERNO PARA SEMPRE E NO SEU LUGAR ENTRAR UM GOVERNO DE VERDADE QUE PONHA FIM AO AMALDIÇOADO ESTATUTO DO DESARMAMENTO E A ESTUPIDA RESTRIÇÃO DE CALIBRES SÓ QUANDO ISSO ACONTECER É QUE PODEREMOS DESCANÇAR

  7. Cilas Celestino @ 2008-08-29 12:53

    Nada do que vem do PT (Partido dos Traidores) pode ser bom: Desconto de 11% do salário dos aposentados, impunidade para seus correligionários que roubaram milhões de reais em mensalão, máfia da ambulância, propinoduto e etc.. mandar milhares de idosos que não conseguem nem se manter de pé, para a fila do recadastramento do INSS, tentar recriar a CPMF, desarmar o cidadâo trabalhador, tirando-lhe o direito a legítima defesa sua e de seu patrimônio, gastar milhôes de reais para mandar um militar ao espaço pra ver como germina um caroço de feijão, mudar o curso natural do Rio São Francisco prejudicando milhares de trabalhadores e populações agrículas que dependem deste rio, transformar o território Brasileiro em um campo de cana de açucar e mamona para produzir etanol e bio-diesel e esquecer que seres humanos se alimentam de cereais e não etanol e bio diesel ( por esta razão, disparou o preço dos alimentos no supermercado, a oferta de grãos está quase extinta, porque os produtores só querem plantar cana e mamona)Investir milhões de reais na ÁFRica implantando tecnologia de internet e banda larga lá, enquanto o acesso a digitalização aqui é precaríssimo! e muitas outras coisas que não podem ser colocadas aqui pq o espaço não permite.

Add your comment now


1 + um =